• Follow Me on Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

  • Sonho de DJ

  • Dia a dia

    setembro 2017
    S T Q Q S S D
    « out    
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    252627282930  
  • Arquivo

  • Categorias

Visita ilustre

O “cara” daqui está na cidade, ou melhor, no estado, desde ontem. Chegou no fim do dia e trouxe na bagagem mulher e filhas. É uma viagem da “Primeira Família” como dizem do lado de cá.

Os Obamas jantaram num restaurante mexicano, onde, em minha opinião, servem a melhor margarita do mundo! Talvez por isso Obama tenha ido.

Hoje foi dia de passear pelo Grand Canyon, uma das oito maravilhas, é o destino de quase cinco milhões de turistas todos os anos. Os que visitavam o parque hoje tiveram de ter paciência e praticamente não viram nada, o acesso foi restrito.

O presidente americano veio a Phoenix para o encontro anual de um grupo de veteranos de guerras estrangeiras (traduzindo mais ou menos). A organização reúne aproximadamente um milhão e meio de membros em todo o país, mas só 13 mil devem receber Obama amanhã. São os vips da corporação.

Mas eu estarei ocupada e tive de recusar o convite!

Anúncios

Obama, Biden e o hamburger

O presidente Barak Obama e o vice-presidente Joe Biden almoçam juntos uma vez por semana. Normalmente na Casa Branca. Ontem resolveram dirigir até uma lanchonete chamada Ray’s Hell Burger. Acompanhe o vídeo.

Cobertura presidencial

Barack Obama parece ser mesmo o namoradinho da América. O noticiário do horário nobre aqui nos Estados Unidos dedicou 27 horas e 44 minutos de cobertura jornalística ao mandato do presidente americano nos primeiros 50 dias de seu governo.

De acordo com um estudo do Center for Media and Public Affairs e da California’s Chapman University, a cobertura do governo de Obama foi maior e mais positiva do que a de seus antecessores.

No mesmo período analisado, o ex-presidente Bill Clinton teve 15 horas e dois minutos de cobertura. Já o ex-presidente George W. Bush recebeu sete horas e 42 minutos.

Obama paz e amor?

O presidente Barack Obama acaba de chegar ao México. Uma parada estratégica a caminho de Trinidad e Tobago, aonde vai se reunir com outros líderes no Encontro das Américas.

Mas antes, concedeu uma entrevista para a CNN em espanhol. Para ele, os “tempos mudaram” em relação à América Latina e citou a sua relação com o presidente Lula como exemplo: ” Meu relacionamento com o presidente Lula é de dois líderes de dois grandes países que estão tentando resolver os problemas e criar oportunidades para seus povos e que devem ser parceiros”. Uma relação de igual para igual, “não há parceiro sênior ou parceiro júnior”, disse Obama.

Na entrevista, o presidente democrata não criticou Hugo Chávez ou qualquer outro líder latino-americano e disse que acha importante que os Estados Unidos não digam a outros países como estruturar suas práticas democráticas. “É o povo desses países que deve tomar as decisões de como querem estruturar seus assuntos”.

Obama disse ainda que quer ouvir e aprender. A postura desarmada, paz e amor do líder americano o difere totalmente da cara do governo anterior. Mas ele acredita que o seu país tenha um papel de liderança na região e disse que, apesar da imagem arranhada dos últimos anos, há uma razão pela qual existem tantos imigrantes latino-americanos nos Estados Unidos./* Font Definitions */ @font-face {font-family:Verdana; panose-1:2 11 6 4 3 5 4 4 2 4; mso-font-charset:0; mso-generic-font-family:swiss; mso-font-pitch:variable; mso-font-signature:536871559 0 0 0 415 0;} /* Style Definitions */ p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal {mso-style-parent:””; margin:0cm; margin-bottom:.0001pt; mso-pagination:widow-orphan; font-size:12.0pt; font-family:”Times New Roman”; mso-fareast-font-family:”Times New Roman”;} @page Section1 {size:612.0pt 792.0pt; margin:70.85pt 3.0cm 70.85pt 3.0cm; mso-header-margin:36.0pt; mso-footer-margin:36.0pt; mso-paper-source:0;} div.Section1 {page:Section1;} –>

Aqui na fronteira com o México

O governo Obama divulga que vai dobrar o número de agentes federais na fronteira com o México no plano de combate ao narcotráfico. Ao mesmo tempo, o prefeito de Phoenix, Phil Gordon, chega a Washington para pedir a liberação de mais verbas para enfrentar a onda de violência.

A cidade é tida como a capital do sequestro, foram reportados 368 ano passado, segundo dados do departamento de polícia. Praticamente todos relacionados a guerra entre os cartéis mexicanos de tráfico de drogas ou de seres humanos. As reportagens são aterrorizantes e não saem do noticiário diário.

De acordo com uma matéria deste final de semana, no ano passado foram apreendidos quase US$ 240 milhões em drogas e aproximadamente sete mil pessoas presas tentaram entrar ilegalmente nos Estados Unidos. O que, em muitos casos, leva ao sequestro por resgate em dinheiro.

O caos é gigantesco. A secretária de Estado, Hillary Clinton vai amanhã para o México. Em seguida esta marcada a ida do presidente Barack Obama.

Obama is coming to town

O presidente Barack Obama estará aqui no Arizona, mais precisamente em Tempe, onde moro, no próximo dia 13 de maio. Fará um discurso na formatura da ASU (Arizona State University).

A namorada do filho da irmã do meu marido é uma das formandas. Quase pensei em implorar de joelhos no milho pra ser convidada. Quase. Decidi que era demais.

O Obama vai ter de esperar outra oportunidade pra me ter na sua platéia.

O desinteressante Obama no Tonight Show

A participação do presidente Barack Obama ontem no Tonight Show, considerada histórica, foi muito boring. Cochilei em alguns momentos e me dei conta do quão desinteressante estava sendo a entrevista.

O fato de um presidente aparecer num programa de televisão como esse é inédito. Isso é interessante. Seria curioso assistir o presidente Lula no Programa do Jô.

NoYoutube é possível encontrar toda a entrevista dividida em partes. Publico aqui a primeira.